quinta-feira, 2 de setembro de 2010

INTER E VITÓRIA EMPATAM EM JOGO EQUILIBRADO

O Bi campeão da América viajou a Salvador e empatou com o Vitória em 0 a 0 no Barradão. O Inter sabia que iria enfrentar um adversário complicado em sua casa: o Vitória já havia vencido em seus domínicos São paulo, Santos, Palmeiras com autoridade, e a partida não foi diferente. Muito equilibrado, o Inter dominou a primeira etapa e acabou perdendo as melhores oportunidades. No segundo tempo, os baianos cresceram e com uma forte marcação empurraram o Campeão de Tudo ao campo defensivo.


Com muitos desfalques (Guiñazu, Alecsandro, D'Alessandro e Bolívar), o Inter começou melhor o jogo. Tinga e Leandro Damião perderam duas grandes oportunidades para abrir o placar. O Vitória era impaciente, e não conseguia furar o forte sistema defensivo do time de Celso Roth.

O segundo tempo foi diferente, o time baiano empurou a defesa Colorada para seu campo, e com uma forte marcação dominou praticamente toda a segunda etapa. O Inter se defendia muito bem, mas tinha dificuldades de sair da defesa e ligar os contra ataques. Renan, Sorondo, Índio foram as principais armas dos de vermelho para sustentar o empate. O resultado acabou sendo justo ao que as duas equipes apresentaram.

O empate deixou o Colorado na quarta colocação do Brasileirão, com 27 pontos. No domingo, o Inter recebe o Grêmio Prudente, às 18h30min, no Beira-Rio.

Vitória 0 x 0 Internacional


Campeonato Brasileiro 2010 - 18ª rodada

Vitória: Viáfara; Eduardo, Wallace, Anderson Martins e Egídio (Kléber Pereira); Vanderson, Ricardo Conceição, Bida e Elkeson (Renan Oliveira); Henrique (Adailton) e Júnior
Técnico: Toninho Cecílio

Inter: Renan; Nei, Sorondo, Índio e Kleber; Wilson Matias (Derley), Glaydson, Tinga (Marquinhos), Giuliano (Andrezinho) e Rafael Sobis; Leandro Damião.
Técnico: Celso Roth

Cartões Amarelos: Vitória: Vanderson, Bida, Eduardo Inter: Sorondo, Wilson Matias
Árbitro: Cléber Wellington Abade (SP)
Assistentes: João Bourgalber Nobre Chaves (SP) e Herman Brumel Vani (SP)
Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)

Fonte: http://www.scinternacional.net/

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

EM SALVADOR, INTER BUSCA QUINTA VITÓRIA FORA DE CASA

A partir das 19h30min desta quarta-feira, o Inter tenta dar sequência à sua caminhada de sucesso pós-Copa do Mundo no Campeonato Brasileiro. Desde o encerramento do Mundial da África do Sul, em meados de julho, e já sob comando do técnico Celso Roth, o Colorado disputou nove partidas pela principal competição do país; venceu seis, empatou duas e foi derrotado somente pelo líder Fluminense.
No percurso bem administrado, conquistou a Copa Libertadores, prioridade máxima do primeiro semestre. Na caça ao primeiro lugar da tabela, o time gaúcho enfrenta o Vitória, no Barradão, em Salvador, pela 18ª rodada, e busca manter um dos pilares que sustentam a boa campanha: o retrospecto fora de casa. Em sete jogos longe do Beira-Rio, o Inter venceu quatro.

Atrás do quinto triunfo, Roth convive mais uma vez com dificuldades para escalar a equipe. Se já não contava com o volante Sandro e o atacante Taison, negociados, agora não terá o zagueiro Bolívar, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e o meia D'Alessandro, que está servindo à Seleção Argentina. O atacante Alecsandro e o volante Guiñazu nem viajaram ao Nordeste, pois ainda recuperam-se de lesões decorrentes da decisão continental diante do Chivas. As constantes alterações nas últimas rodadas, aliás, preocupam o comandante colorado:

“Estamos trocando jogadores a cada partida. Isso me preocupa um pouco, pois não estamos tendo tempo de fortalecer o esquema tático e algumas jogadas de movimentação. Isso prejudica o equilíbrio e o rendimento. Mas vamos ver se fazemos um jogo de superação.”

Se as titularidades de Sorondo e Giuliano estão confirmadas, o companheiro de Wilson Matias no meio ainda é uma incógnita. Derley e Glaydson disputam uma vaga, porém o treinamento recreativo da última terça não deu pistas sobre o escolhido.

Em 4° com 27 pontos, o Inter quer duas vitórias no fechamento do primeiro turno para encostar de vez no líder Fluminense, hoje a dez pontos de distância e com um jogo a mais. Depois dos baianos, o Colorado recebe o Prudente no domingo, na última rodada da primeira parte do Brasileirão.

- O adversário


Sem vencer há dois jogos, o Vitória reencontra sua torcida necessitando dos três pontos para manter o sonho de integrar o G-4. Vice-campeã da Copa do Brasil, a equipe baiana atravessa um momento delicado e um novo tropeço pode significar a aproximação da zona de rebaixamento.

Além disso, o clima no Barradão não é dos melhores. Na reapresentação do elenco na última segunda, após a derrota para o Corinthians em São Paulo no fim de semana, o técnico Toninho Cecílio cobrou comprometimento dos atletas e, dedo em riste, esbravejou com o lateral-esquerdo Egídio.

O atacante Soares, suspenso, não pega o Inter. Kleber Pereira, de passagem apagada pelo Beira-Rio no primeiro semestre, pode ser seu substituto. Já o zagueiro Anderson Martins retorna ao time rubro-negro.

> Campeonato Brasileiro 2010


18ª rodada


Vitória x Inter

VITÓRIA

Viáfara; Eduardo (Gabriel), Wallace, Anderson Martins e Egídio (Eduardo); Vanderson, Ricardo Conceição, Bida e Elkeson (Renato); Henrique (Kleber Pereira) e Júnior
Técnico: Toninho Cecílio

INTER

Renan; Nei, Sorondo, Índio e Kleber; Wilson Matias, Glaydson (Derley), Tinga, Giuliano e Rafael Sobis; Leandro Damião.
Técnico: Celso Roth

Árbitro: Cléber Wellington Abade (SP)
Assistentes: João Bourgalber Nobre Chaves (SP) e Herman Brumel Vani (SP)
Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: quarta-feira, 1° de setembro de 2010
Horário: 19h30min

Fonte: http://www.finalsports.com.br/
Por Guilherme Araujo/Final Sports - Foto: Alexandre Lops/AI Inter

CAMPANHA INTERMOB

Para assinar o Intermob é bem simples: Envie de seu celular a palavra INTER para o número 49810 e aguarde a mensagem de confirmação. Valores: OI, Claro e VIVO = 0,10 centavos por mensagem TIM = 0,31 centavos + impostos.



Ah, informação importante: o primeiro mês é grátis (os 30 primeiros dias do Intermob são grátis). Vale para TODO O BRASIL.

Faça sua parte torcedor Campeão de Tudo! e ajude nosso glorioso e amado Sport Club Internacional a ser o 1º também nessa modalidade.

Contamos com a participação de todos. Aqueles que tiverem interesse e aderirem a mais esse Projeto Colorado me mandem um e_mail confirmando o meu e_mail para contato é o :

domingo, 29 de agosto de 2010

INTER VENCE O BOTAFOGO NO GIGANTE

A Academia do Povo manteve o embalo da conquista do bi da América e teve mais uma boa atuação no Brasileirão. O Inter foi superior ao Botafogo durante a maior parte da partida e interrompeu uma sequência de cinco vitórias consecutivas dos cariocas. O Colorado venceu um adversário direto na tabela e se manteve entre os primeiros colocados. O gol foi de Leandro Damião em jogada de Rafael Sóbis


A partida foi equilibrada. Mas comandado pelo maestro D’Alessandro, o Inter conseguiu se impor dentro do seu território. Variando jogadas pelas laterais, mas também apostando nas investidas pelo meio, o Colorado chegava com certa facilidade à área do Botafogo e não dava espaço para o adversário avançar. O argentino embaralhou a zaga alvinegra e levou muito perigo com seus dribles, cruzamentos e chutes. Apressão colorada, aos poucos, transformou-se em chances de gol. Logo aos 3, Leandro Damião recebeu e chutou forte por cima. Mais tarde, foi Rafael Sobis que arriscou bem e exigiu grande defesa de Jefferson. Aos 23 minutos Sobis cruzou da ponta esquerda e, no meio da caminho, Kleber desviou.Na pequena área, Leandro Damião conseguiu um último toque e comemorou o gol dos vermelhos. O Botafogo tentou empatar e começou a marcar mais em cima o time colorado.

No segundo tempo os cariocas tentaram pressionar, mas quando se lançaram ao ataque, o contragolpe colorado subia perigosamente. Roth perdeu um dos destaques do jogo, Damião sentiu um músculo e precisou sair. Mesmo em um ritmo menor do que a primeira etapa, o Inter atacava com perigo. O alvinegro carioca só assustou a torcida no Beira-Rio em uma bomba soltada por Edno. Renan, que fe uma grande partida impediu o empate.

No final, o Inter segurou até mesmo a tentativa de pressão do rival, que ainda teve Caio expulso por entrada dura em Andrezinho. O Inter irá a Salvador enfrentar o Vitória. Ambos os jogos serão às 19h30m de quarta-feira.

INTER 1X0 BOTAFOGO

17° rodada

INTER: Renan; Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Derley, Glaydson, Tinga e D'Alessandro; Leandro Damião (Everton) e Rafael Sobis (Andrezinho).
Técnico: Celso Roth.

BOTAFOGO: Jefferson; Leandro Guerreiro, Antônio Carlos e Fábio Ferreira; Alessandro, Fahel (Caio), Somália, Maicosuel e Edson; Jobson (Edno) e Herrera (Loco Abreu).
Técnico: Joel Santana.

Gol: Leandro Damião (23/1º);
Cartões amarelos: Derley, Índio, D'Alessandro, Bolívar e Everton; Jobson, Fahel, Edson, Loco Abreu e Fábio Ferreira;
Expulsão: Caio;
Arbitragem: Sandro Meira Ricci (DF), com Ênio Ferreira de Carvalho (DF) e César Augusto de Oliveira (DF).
Público: 16.580 pessoas.

Fonte: http://www.scinternacional.net/